O que é market share e como calcular

Market share

Em termos de definição, market share significa participação de mercado. E, sem dúvidas, dentre as ferramentas de avaliação de empresas, ele é uma das mais tradicionais.

Basicamente esse é um indicador que corresponde à relevância de uma determinada empresa no mercado, relacionando com os concorrentes.

Em outras palavras, representa o valor de mercado de uma empresa ou negócio, indicando quem prefere a marca, bem como o volume de vendas e o que os clientes falam sobre ela.

Ou seja, market share indica como uma empresa participa do mercado no qual está inserida. Pode ser medido a partir da porcentagem do total de vendas em uma cidade, região, ou país. Bem como sua participação percentual do mercado global.

Este último é mais indicado para multinacionais. Uma empresa de montagem de painel elétrico, por exemplo, está inserida no mercado industrial e também possui seu próprio market share.

Vamos abordar neste artigo o conceito de market share, bem como utilizá-lo de forma prática para ajudar no desenvolvimento dos negócios. Confira!

O que é market share?

A noção de market share pode ser entendida de várias maneiras. Independentemente do parâmetro utilizado, é um indicativo para diversos tipos de negócios, seja empresa industrial de outorga de uso de água subterrânea ou agências de marketing digital.

Ou seja, não importa a natureza dos negócios em si, o objetivo é sempre o mesmo: aumentar a participação no mercado e ser referência entre o público-alvo no nicho no qual está inserido.

E especificamente esta metodologia de market share é calculada através de percentuais para obter em medidas de um mesmo ramo de atividade que se destacam das demais.

Por exemplo, se imaginarmos o mercado potencial de uma empresa de um determinado setor, como manutenção hidráulica, o market share do segmento desse público que consome seus produtos e serviços são grandes empresas e conglomerados.

Neste caso, trata-se da reputação e reconhecimento da empresa que fornece essa maturação para outras empresas, um dado importante para planejar e avaliar o marketing da empresa.

Também podemos medir a participação de mercado pela perspectiva do volume de vendas ou até mesmo do tamanho da empresa, Caso seja uma empresa de paineis elétricos

que atua no setor industrial, é tão válido quanto empresa de ativos digitais.

Afinal, a participação de mercado é um indicativo mais tradicional e que já era utilizado antes de tudo ir para o digital.

Outra forma de olhar para o market share é como um reflexo do tamanho das operações em relação aos seus concorrentes, que está próximo ao valor da marca e aos negócios no mercado.

Afinal, por que o market share é tão importante?

Examinar e analisar criteriosamente o market share permite determinar o tamanho de uma empresa em relação ao restante do mercado e da concorrência.

Além disso, fornece informações sobre os líderes de mercado e, com base na análise do tempo, ajuda a entender quais empresas estão ganhando participação de mercado e quais estão perdendo.

Todas essas informações são incentivos para manter os objetivos da empresa ou para criar novos, além de ter um incentivo adicional para buscar novas oportunidades ou identificar onde estão os pontos fracos da empresa.

O desenvolvimento e crescimento darão um pulo enorme em comparação com as empresas que não utilizam este indicativo em suas estratégias.

Ou seja, funciona basicamente como uma elaboração de projeto de terraplenagem, no qual utiliza pequenos passos específicos que visam preparar o terreno para futura construção.

O market share é um indicativo que prepara toda e qualquer empresa para construir uma participação de mercado muito bem estruturada e consistente, a fim de alcançar mais lucratividade e sucesso dos negócios.

Mesmo empresas com maior participação tendem a usufruir de vantagens competitivas, como capacidade de negociação com fornecedores e credibilidade para parcerias.

Vantagens nas estratégias de negócio

Para todo e qualquer tipo de negócio, seja fábrica de luminárias SP ou agências digitais em Santa Catarina, não importa o tipo de empresa ou região, ao estruturar na estratégia com o market share, as vantagens são reais. A principais são:

  • Maior compreensão do seu próprio negócio;
  • Clareza sobre os próximos passos nas estratégias de marketing;
  • Maiores chances de ficar à frente dos concorrentes diretos;
  • Menor taxa de insatisfação dos clientes.

 

Essas vantagens são observadas se todas as informações e cálculos forem implementados de forma estratégica para sair à frente dos concorrentes, mas, obviamente, não é garantia de que alcance a liderança rapidamente. Existem diversos fatores em jogo.

No entanto, é de fato um ótimo indicador para ser utilizado nas estratégias de marketing e crescimento de negócio.

Como é calculado o market share?

Para fazer esse cálculo e entender como se estabelece a participação de mercado da sua empresa é necessário definir um ou mais indicadores do mercado sobre o qual quer identificar a sua participação para realizar essa avaliação.

Ou seja, é importante considerar fatores como: o prazo adequado, se a participação é medida em um único produto ou em uma categoria mais ampla, ou se leva em consideração apenas o mercado nacional, regional ou global.

Graças a esses parâmetros, evita-se que as estatísticas confundam as ideias.

Para calcular a participação de mercado global é realizado o seguinte cálculo:

  • Market share = resultado da sua empresa / resultado do mercado × 100

 

Para calcular a participação relativa de mercado é necessário definir:

  • Participação de mercado relativa = receita da empresa/receita do concorrente × 100

 

Observe também que a participação de mercado pode ser calculada:

  • Em volume: partimos do número de produtos vendidos;
  • Em valor: partimos do volume de negócios alcançado pela empresa.

 

Uma empresa de painéis elétricos pode utilizar essa fórmula para calcular quantos fornecimentos foram obtidos no último mês em relação à sua concorrência, por exemplo, entre vários outros critérios.

Ou seja, é importante a completa avaliação dos critérios que precisam ser observados de acordo com o segmento de cada negócio.

No entanto, tenha cuidado: as quotas de mercado podem mudar rapidamente, já que podem ser voláteis à medida que o mercado cresce. Isso é menos verdadeiro em setores mais estáveis, embora as menores mudanças na participação de mercado possam ser significativas.

Como interpretar a participação de mercado?

Como mencionado anteriormente, o market share é usado para verificar a extensão de sua posição em comparação com a de seus concorrentes em um mercado. E é algo que todos os tipos de negócio devem e podem utilizar, desde fabricante de túnel de encolhimento, até negócios em geral.

Ou seja, se você obtiver 50% de um mercado onde vários de seus concorrentes compartilham as migalhas do bolo restante, você está em uma posição dominante bastante confortável.

Na realidade, existem vários tipos de posições em um mercado:

  • Líder: é a empresa que domina claramente o mercado;
  • Desafiante: é a empresa que está mais próxima do líder;
  • Seguidora: empresa que se contenta em seguir os concorrentes;
  • Especialista: pequena participação de mercado, mas essa especificidade destaca-a.

 

A participação de mercado por si só não significa nada se você não a colocar em relação à participação ocupada por seus concorrentes no mercado. Portanto, é necessário calcular todas as ações no mercado para ter uma visão geral dele.

Como aumentar sua participação no mercado?

Aqui estão algumas dicas a serem implementadas para aumentar o market share do seu negócio em relação aos concorrentes de seu segmento. Confira:

Abaixe seus preços

Oferecer preços atrativos permite “reduzir preços” no mercado. Por exemplo, você pode realizar promoções ou descontos atraentes. No entanto, é preciso ter cuidado com o outro lado da moeda: se você baixar demais seus preços de venda, corre o risco de perder lucratividade.

Realize ações de marketing e fortaleça sua marca

Orquestrar campanhas de comunicação permite aumentar sua visibilidade. Você pode anunciar nas redes sociais, usar e-mail marketing, implementar uma estratégia de marketing de conteúdo para melhorar seu SEO nos buscadores, etc.

O objetivo é atrair novos compradores que nunca ouviram falar de você antes.

De forma mais ampla, você também pode acentuar seu “branding”, ou seja, a identidade de sua marca. Quanto mais sua marca for reconhecível, única e diferente das demais, mais você fortalecerá seu poder de atração entre os consumidores, que vão querer comprar essa marca e não outra.

Proporcione novidades

Pode ser estratégico oferecer aos consumidores novos produtos que eles não encontrarão com seus concorrentes, assim você os leva a se interessar mais pelos seus produtos e a comprar de você e não do seu concorrente direto.

Você pode oferecer novos produtos, mas também um serviço inovador com descontos ou gratuidade ao fazer um contrato.

Exemplo: uma empresa de contabilidade pode fornecer um inventário físico ativo imobilizado para empresas gratuitamente junto com a contratação dos serviços.

Retenha seus clientes atuais

Embora reter seus clientes não aumente diretamente sua participação de mercado, isso ajuda a não perder participação. Clientes satisfeitos são os melhores embaixadores da sua marca. Eles podem falar sobre ela ao seu redor e trazer novos clientes.

Manter boas relações com seus clientes (garantir a satisfação do cliente, personalizar seus serviços, etc.) evita que eles voltem para a concorrência.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Artigos Relacionados

Redes Sociais